Mulheres Barbadas

0 Flares 0 Flares ×

Querido chegou com a Rolling Stone tinindo de nova e eu, muito bedelhuda interessada, já catei pra ler. Folheia daqui, folheia dali e tchanran! Eis que junto com a revista veio um encarte massa com vários doodles monocromáticos.

Já imaginei o troço emoldurado e pendurado na sala, no quarto, no banheiro… Viajei até o além, voltei, botei o danado embaixo do braço e rumei determinada para a primeira molduraria que encontrasse.

Quadrinho pronto, a curiosidade bateu: afinal, quem era o criador de um trabalho tão ‘léguis’?  Um belo dia,  folheando uma revista de decoração, dou de cara com uns desenhos muito parecidos no apê do Houssein Jarouche, uma espécie de mecenas e proprietário da Micasa.

Os criadores? Henrique Lima e Julio Zukerman, aka as ‘Mulheres  Barbadas‘.

Pensa numa pessoa feliz, abobada e convencida porque tinha em casa a mesma arte que o tal cara lá, o ‘Arouche’? Calaaaroo que a minha era um encarte emoldurado (acho que uma promoção do Nescau) e não exatamente um trabalho criado exclusivamente para a parede do nosso cafofo. Mas  leonina que sou, deletei esse pequeno detalhe e segui toda prosa com o meu Mulheres Barbadas de revista.

Minha gente, fiz todo esse rapapé para esclarecer o seguinte: as influências externas contam muito na hora das nossas escolhas: música, arte, moda…  Mas o bacana mesmo é a intuição, a sinceridade do olhar e o gosto autêntico.

Eu, quando vi o montão de desenhos preenchendo todos os espaços do encarte, nem imaginei que se tratasse de uma dupla fodona que trabalha sempre com muita informação em meios digitais, murais, desenhos em papel e em objetos diferentes, muito menos que eram queridinhos do who’s who do mundo do design. Simplesmente bati o olho, achei massa e na horinha quis que fizesse parte da memória afetiva e informativa da nossa casinha.

Mocó do Hussein

Mocó do Houssein

 Nosso mocó

O meu*Participação especial do Chico, o gato

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Twitter 0 Pin It Share 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

4 comments

  1. Cintia Teixeira says:

    Hahahhahaha, Chico é lindinho, né? Toque decorativo todo especial (aliás, sugestão de post: a beleza destes objetos de decoração móveis que são os pets). Mais uma vez encontrei inspiração pra ir até a molduraria mais próxima com meus pôsteres e afins (são tantos, vou gastar rios). Eu AMEEEI o encarte da Rolling Stone e já vou encomendar pra mim (infelizmente a revista não se encontra por terras sharkcitianas). Ah, falei que ontem fiz um comentário ENOOORME e perdi tudo porque não consegui postar? Mágoa…

    • casadelagracia says:

      Nada de mágoa de caboclo, passa por aqui sempre que sentir vontade e deixa teus pitacos. Fico feliz que o post tenha te inspirado a emoldurar teus posterzinhos preferidos. Ah, o Chico é o toque fundamental da nossa casinha, o laranja que faltava no nosso arco-íris.

  2. Ana Paula Portela says:

    Só sei te dizer que um dia vou conhecer sua casa!! Linda demais, nos mínimos detalhes! Adoro a parte “o bacana mesmo é a intuição, a sinceridade do olhar e o gosto autêntico”. Que feeling o seu, não?! Amo muito tudo isso!

Deixe uma resposta